quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

ELEIÇÕES UCRÂNIAViktor Yanukovych é o vitorioso
Como a derrota de Yulia Tymoshenko, a atual primeira ministra e candidata a presidente a Ucrânia pode estar dando uma guinada em direção a influencia de Moscou e afastando-se da União Europeia
Foto: AFP
O VITORIOSO: O líder do Partido Regiões da Ucrânia, Viktor Yanukovich, provável vencedor das eleições e novo presidente da Ucrânia
Fontes: BBC Brasil, Último Segundo

O candidato da oposição na Ucrânia, Viktor Yanukovych, de posições favoráveis a Moscou, venceu as eleições presidenciais, em segundo turno, realizadas neste domingo no país, de acordo com pesquisas boca de urna.

Yanukovych pode ter derrotado a primeiro-ministra do país, Yulia Tymoshenko, por uma margem estreita de 3% a 6% - mais apertado do que ele esperava.
Foto: Reuters
SEÇÃO ELEITORAL: Eleitor é identidicado na mesa eleitoral em Lutava a 100 km de Kiev
O chefe de campanha de Tymoshenko disse que ainda é cedo para falar em derrota e alegou que houve muitas irregularidades na votação.

O atual presidente da Ucrânia, Viktor Yushchenko, foi derrotado já no primeiro turno das eleições.

Yanukovych foi candidato presidencial nas eleições anteriores, em 2004, onde foi descoberta a existência de fraudes para o favorecimento de sua candidatura, o que deu início aos protestos que caracterizaram a chamada "Revolução Laranja".
Foto: AFP
OS DERROTADOS: A primeira ministra Yulia Tymoshenko que pleiteava ser presidente e o presidente Viktor Yushchenko que a apoiava
O correspondente da BBC sugere que o resultado das urnas pode indicar a desilusão de alguns ucranianos com o não cumprimento das promessas feitas durante o movimento, que indicava para o país um caminho de aproximação com o Ocidente.

Os resultados preliminares do pleito só devem ser divulgados na manhã de segunda-feira.
As meninas do FENEM mais uma vez protestaramAs nossas amigas ucranianas sempre que protestam protestaram causam reboliço, nós estamos apoiando todas as suas causas e torcemos para que elas protestem sempre
Foto: AFP
Fontes: Herlad Sun, Donbass, Duradom, TSN

O momento mais importante do segundo turno das eleições da Ucrânia, neste domingo, foi quando o grupo de a ativistas do grupo feminista ucraniânio "FEMEN", amigas do Passiranews, tiraram a roupa para protestar contra a "manipulação do sistema democrático" .
O protesto aconteceu em Kiev, capital da Ucrânia, logo após a abertura dos locais de votação para o segundo turno da eleição presidencial
Com gritos de "Este é o fim da democracia", as mulheres tiraram a blusa e foram expulsas do local de votação.
As ativistas disseram a jornalistas que estavam protestando contra o "fim da democracia'' na Ucrânia, e não especificamente contra Yanukovich ou a favor de sua rival, a primeira-ministra Yulia Tymoshenko.
Após o protesto as meninas do FEMEN voltam para casa agasalhadas contra o frio ucraniano, nem parecendo as ousadas ativistas de pouco tempo atrás As ativistas do grupo FEMEN são conhecidas por seus protestos ousados, que geralmente atraem grande atenção da mídia local e internacional. O grupo, formado em sua maioria por estudantes universitárias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário